Sexta-feira, 21 de Setembro de 2007

.Um tesouro

 

Acho que já repeti a história vezes sem conta. Encontrei um tesouro. No primeiro dia de faculdade. Três meninas, longe de casa, como eu. Quatro anos depois do primeiro encontro, uma promessa: a amizade não podia acabar. E tudo o que ela traz. O acordo era simples, todos os meses um jantar num restaurante de uma nacionalidade diferente. Chinesa, Italiana, Caboverdiana, Nepalesa, Japonesa, Russa, Mexicana, Tailandesa, Americana, Egípcia, ... . Fomos provando todas elas, misturando cada garfada com sorrisos, segredos, gargalhadas, histórias. O tempero é sempre o mesmo, a amizade. Ontem levámos os nossos ingredientes preferidos ao "Found You". O ponto de encontro já não foi na minha Travessa. O Queijinho já não nos levou. Mas que importa? Nós estávamos lá. Entrámos no táxi na Av. de Roma e nem esperámos, começámos a tirar tudo o que tínhamos guardado bem no fundo de nós há já um mês. Coisas boas, cursos novos, línguas diferentes, danças contagiantes, propostas irrecusáveis, coisas menos boas, as mensagens não correspondidas, o amor que passa ao lado. Como poderia o táxista não entrar na nossa conversa? Aconselhava a Carolina quanto à canalização da nova casa. E não houve quem lhe tirasse a teoria defendida durante toda a viagem. Que são todos uns aldrabões, não se pode confiar em ninguém, tudo se estraga rapidamente. Saímos. Pela Rosa seguimos até à Travessa dos Inglesinhos. De cada porta saía um aroma diferente, de cada pessoa uma alma e um estilo em nada iguais mas que pareciam encaixar-se tão bem naquela ruazita do Bairro Alto. No "Found You" o cheirinho a queijo acarinhava-nos todos os sentidos. O colorido das tias de Cascais contrastava com o papel de parede bege e dourado que tanto apaixonou a Ana e a Carolina. A ementa trouxe-nos à realidade e, depois de feitas as contas, lá pedimos um fondue da vazia, uma raclette de carnes frias e uma água. Nada de entradas, nada de sobremesas, nada de bebidas diferentes. Vidinha de jornalista, como acabámos todas por concordar. As entradas começaram a chegar, com a Carol e a Nês a falar, e eu e a Ana a ouvirmos, atentas, a explicação da empregada. Não conseguimos dizer que não queríamos. Vários minutos de sofrimento depois, lá expulsámos as coisitas da mesa. Lá fora, a chuva e os trovões davam música e côr às nossas conversas. À saída, a foto da praxe com o menino a quem a Carolina pediu que cozinhasse com amor. Não precisava, o sorriso dele serviu para nos apaixonar a todas. No regresso a casa, uma partida... Segredo, segredo. Mas que nos deixou a todas com um sorriso enorme. No próximo mês, brasileiro na costa ou francesinhas no Porto. Já percebemos que o sítio não interessa. Que o que temos e somos quando estamos juntas é bem mais importante do que tudo o resto. E que somos tão felizes quando a ementa nos mostra um prato de 70 euros como quando vamos ao McDonald's. Afinal, encontrámos o melhor tesouro do mundo.

 

[foto: elotopia.net]

Estou:
Lá fora: o relato de futebol que saía do rádio do taxi...
L. às 15:19
link | comentar | favorito
2 comentários:
De Sin a 21 de Setembro de 2007 às 16:26
Olá :)... Este teu texto fez-me lembrar de todos os momentos bons que tive com os amigos que agora estão distantes... Gosto da escola nova, dos colegas novos... Mas faltam eles, aqueles que também não importava a hora ou o local, a animação era contagiante... As gargalhadas eram tudo... Sinto tanto a falta de tudo... Saber que eles, estão juntos, e a fazer tudo aquilo em que também eu participava e agora... Não estamos mais juntos... Chegar á escola e não abraçar ng para matar saudades, foi dificil... Por isso... Que tenhas muitos mais desses jantares... E eu, vou fazer muitas visitas a eles... Só entrar no ritmo e gerir o tempo... :) beijinho
De Betty Boop a 25 de Setembro de 2007 às 18:00
Lindo!
Como é bom ler sobre esta força que trazemos no peito, leve como uma pena, mas que nos move para todo o lado.
Os nossos jantares foram, sem dúvida, o melhor projecto de vida que já construí...
ORGULHOSA de nós, é como me sinto!

Comentar

.Eu

.pesquisar

 

.Dezembro 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.Agora

. .Feliz Natal e um 2019 ch...

. .Das mães

. .Hoje

. .2

. .Hoje morreu um homem bom

. .Ela

. .22

. .Dos fins de semana bons ...

. .Adeus, Inderal! [com ima...

. .O batizado da Aurora

. .A caminho dos 19

. .A queda

. .I'm sixteen going on sev...

. .O nosso ovo

. .Da culpa

.Ontem

.tags

. todas as tags

.Mundo

blogs SAPO

.subscrever feeds